Prefeito de Tarija diz que a autonomia abrangerá toda a Bolívia

O prefeito de Tarija, Mario Cossío, vitorioso neste domingo no referendo sobre o estatuto autonômico de sua região com 80% dos votos, declarou há pouco que, por enquanto, são quatro os departamentos da Bolívia os que apóiam os governos descentralizados, mas logo serão todos.

AFP |

Em discurso nos balcões da prefeitura, na praça de armas de Tarija, Cossío desenhou um verdadeiro plano de governo e disse que os camponeses, os pobres, os excluídos também vão merecer atenção do futuro governo autônomo.

"A autonomia não ficará por aqui: somos quatro, mas seremos nove" departamentos, disse Cossío, recebido elos participantes aos gritos de "governador!, governador!".

Cossío, acompanhado dos colegas de Santa Cruz, Beni e Pando - vencedores em plebiscitos anteriores -, além de Cochabamba, anunciou um plano de construção de 5.000 casas populares.

No referendo legal de julho de 2006, as regiões de Santa Cruz, Tarija, Beni e Pando apoiaram a autonomia, enquanto Cochabamba, La Paz, Chuquisaca, Potosí e Oruro a rejeitaram.

rb/fj/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG