Prefeito de Antananarivo se proclama encarregado da gestão do país

Envolvido numa queda-de-braço com o presidente Marc Ravalomanana, o prefeito de Antananarivo, Andry Rajoelina, se proclamou neste sábado encarregado da gestão de Madagascar, diante de seus partidários reunidos na capital, constatou um jornalista da AFP.

AFP |

"Já que o presidente e o governo não assumiram suas responsabilidades, proclamo que vou administrar todos os assuntos nacionais a partir de hoje", clamou o prefeito a dezenas de milhares de simpatizantes reunidos na praça 13 de Maio, no centro da capital.

"Uma demanda para a saída imediata do presidente será entregue muito em breve ao Parlamento, para respeitar os trâmites legais", acrescentou.

Trata-se do terceiro evento convocado pelo prefeito deste o início da semana. Segunda-feira, as manifestações descambaram para a violência, com saques e incênndios de lojas.

Pelo menos 68 pessoas, segundo a polícia, morreram desde segunda-feira nos tumultos em Madagascar.

fal/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG