Prédio anexo à Casa Branca é evacuado, após fumaça ser detectada

Washington, 25 jan (EFE).- Os serviços secretos da Casa Branca evacuaram temporariamente o Eisenhower Executive Office, um prédio anexo à Casa Branca, depois que foi detectada fumaça em seu interior, informou hoje o Governo dos Estados Unidos.

EFE |

O porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, disse que os bombeiros do Distrito de Columbia foram até o local depois que foi detectada fumaça no quarto andar do edifício.

"Um reduzido número de funcionários foi temporariamente evacuado e já voltou a seus escritórios. Não houve feridos nem aparentes danos", disse Gibbs em um breve comunicado.

O porta-voz do Departamento de Bombeiros do Distrito de Columbia, Alan Etter, explicou que os bombeiros apagaram as chamas de uma chaminé no segundo andar, segundo a rede "CBS".

Os bombeiros acham que algo obstruiu a saída de fumaça da chaminé e que esta começou a se acumular no quarto andar.

De acordo com Etter, o Serviço Secreto evacuou o prédio durante cerca de 30 minutos como medida de precaução.

O escritório do vice-presidente, Joe Biden, fica no edifício Eisenhower. EFE cae/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG