Preço do petróleo ultrapassa barreira de US$ 120

O preço do barril de petróleo ultrapassou pela primeira vez a marca de US$ 120, nesta segunda-feira, no pregão de Nova York. O barril do petróleo tipo leve atingiu a cotação de US$ 120,36 pela manhã, antes de recuar e fechar com o preço recorde de US$ 119,97.

BBC Brasil |

Segundo analistas, a alta desta segunda-feira foi motivada por preocupações com a situação na Nigéria (onde instalações de petróleo têm sido alvo constante de ataques) e no norte do Iraque (região que vem sofrendo ataques de forças turcas contra rebeldes curdos).

Somente neste ano, os preços do petróleo já subiram cerca de 25%.

Entre os motivos da escalada na cotação do petróleo está o enfraquecimento do dólar. A queda da moeda americana faz com que outros ativos, entre eles o petróleo, sejam mais atraentes para os investidores.

"Fenômeno novo"
De acordo com o analista Damian Cox, da John Hall Associates, esse fenômeno é relativamente novo.

Cox disse à BBC que no passado, o enfraquecimento do dólar seria visto como um sinal de fraqueza da economia americana, o que levaria a pensar que a demanda por petróleo iria diminuir e, conseqüentemente, resultaria em uma cotação mais baixa do petróleo.

Atualmente, porém, alguns investidores vêem as commodities como o petróleo como uma alternativa diante da queda da moeda americana, disse Cox.

Então, segundo o analista, caso esses investidores se preocupem com o enfraquecimento do dólar, eles poderão vender a moeda e comprar petróleo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG