Portugal tem 1,7 milhão de emigrantes oficiais, 17% de sua população

Lisboa, 6 set (EFE).- Portugal, com 10 milhões de habitantes tem 1,7 milhão de emigrantes oficiais pelo mundo e só no Brasil, Espanha e Venezuela calcula-se que vivam mais de 400 mil portugueses.

EFE |

Segundo o Observatório da Emigração, um novo serviço criado esta semana pelo Governo, a França é o país onde residem mais portugueses, com um total de 567 mil, seguido dos Estados Unidos, com 217.540.

A Espanha é o país que registrou o maior aumento proporcional da emigração portuguesa nos últimos anos ao passar de 71 mil para 136.171 entre 2004 e 2008.

As estatísticas só incluem os portugueses que mantêm sua nacionalidade e estão registrados nos países onde residem, mas não contemplam seus descendentes e familiares diretos que integram também as populosas comunidades portuguesas no estrangeiro.

O número oficial de 1,7 milhão de emigrantes está longe dos mais de 4 milhões que eram calculados extra-oficialmente em Portugal, embora haja regiões do mundo, como a África, onde há grandes comunidades nas antigas colônias portuguesas e na África do Sul que poderiam aumentar esses dados.

No Brasil e Venezuela, os destinos tradicionais da emigração portuguesa na América Latina, sua comunidade se mantém atualmente em 213.190 e 53.478 pessoas, respectivamente.

No total Portugal, um país de forte tradição migratória diminuída nas últimas duas décadas pelo desenvolvimento econômico vinculado a sua pertinência à União Europeia, tem emigrantes em 140 países do mundo.

Na Europa destacam-se Suíça, com 157.455 portugueses; Alemanha, com 91.225; Reino Unido, com 77 mil; e Luxemburgo, com 41.690.

A comunidade portuguesa no Canadá, apesar do retorno obrigatório de muitos emigrantes nos últimos anos, continua sendo também das mais altas, com um total de 150.390 pessoas. EFE ecs/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG