Por muro na fronteira, Congresso deixa Bush ignorar leis

Funcionários do governo americano disseram que a administração George W. Bush poderá passar por cima de cerca de 30 leis e diretrizes para concluir até o fim do ano a construção de um trecho de mais de mil quilômetros de um muro na fronteira entre os Estados Unidos e o México.

Agência Estado |

As isenções legais, autorizadas pelo Congresso dos Estados Unidos, permitirão ao governo deixar de lado entraves burocráticos e ignorar leis ambientais que no momento impedem o Departamento de Segurança Interna de construir um trecho de 430 quilômetros que engloba a Califórnia, o Arizona, o Novo México e o Texas.

O plano foi revelado por funcionários do governo americano envolvidos no assunto, mas que falaram sob anonimato, porque a notícia das isenções legais ainda não havia sido divulgada.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG