Popularidade de Berlusconi aumenta após a agressão, diz pesquisa

Roma, 21 dez (EFE).- A popularidade do primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, aumentou depois da agressão que sofreu núltimo dia 13, em Milão, segundo uma pesquisa realizada após o episódio.

EFE |

A sondagem feita pelo instituto Ipr Marketing para o jornal "La Repubblica", publicada hoje, indica que a popularidade de Berlusconi entre os italianos subiu três pontos, para 48%.

No mês passado, devido aos problemas com a Justiça e aos escândalos gerados por festas com prostitutas, a confiança dos italianos no primeiro-ministro havia chegado a 45%, o pior nível registrado pelo premiê.

O episódio na praça da catedral de Milão também ajudou a aumentar a confiança no partido de Berlusconi - o Povo da Liberdade (PLD) -, que subiu quatro pontos, para 48%.

No entanto, a agressão de Massimo Tartaglia, que é acusado de ter agrido Berlusconi, não parece ter influenciado a confiança no Executivo, que continua ancorada em 40% há meses. EFE ccg/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG