Londres, 27 ago (EFE).- A população do Reino Unido superou pela primeira vez os 61 milhões, segundo números divulgados hoje pelo Escritório para Estatísticas Nacionais britânico.

Mais de 750 mil crianças nasceram no país no ano passado, o que contribuiu para o maior auge demográfico desde os anos 60.

A população atual já alcança os 4,1 milhões, o que representa um aumento de mais de 400 mil sobre os números de 2008 e de 2 milhões a respeito dos dados de oito anos atrás.

Esse aumento ocorreu apesar das dezenas de imigrantes do Leste Europeu que retornaram a seus países.

As chegadas líquidas de cidadãos de países que se uniram à União Europeia (UE) em 2004, incluindo a Polônia, o de maior população, sofreram uma forte queda, em consequência da crise econômica no Reino Unido.

Pela primeira vez em quase dez anos, o balanço positivo entre nascimentos e falecimentos superou os números de imigração como o principal fator de crescimento demográfico.

No entanto, essas estatísticas mostram que os imigrantes continuam contribuindo fortemente para o aumento demográfico: a metade de todos os nascimentos que ocorreram no ano passado correspondeu a mulheres nascidas fora do Reino Unido.

As estatísticas indicam também um aumento da população de mais idade, com um recorde para os maiores de 85 anos, que correspondem a 2% da população total. EFE jr/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.