Ponte desaba, mata 4 e deixa desaparecidos no Cazaquistão

Pelo menos quatro pessoas morreram e outras quatro desapareceram na queda de um ponte para veículos que estava sendo construída no sul do Cazaquistão, informou neste sábado o Ministério de Situações de Emergência do país.

EFE |

"Até agora, foram resgatados quatro corpos. As buscas pelos desaparecidos continuam", destacou Zhasulan Dzhumaliev, chefe do Departamento de Situações de Emergência da província de Atyrau.

O acidente aconteceu na tarde da última sexta-feira (11), quando um trecho da ponte de 106 metros de cumprimento por 18 metros de largura caiu sobre o rio Ural, destaca um comunicado.

Oito pessoas que trabalhavam nas obras foram soterradas. Um outro operário ficou ferido e foi levado para um hospital, informou a agência russa "Interfax".

"Segundo dados preliminares, o acidente aconteceu quando os pilares provisórios do lance central tiveram que ser deslocados. A causa mais provável pode ter sido um erro na hora de nivelar os diferentes pilares da ponte", acrescenta o texto.

O governador de Atyrau, Berguei Riskaliev, confirmou a versão de que os pilares da estrutura provisória "não suportaram o peso da construção".

No entanto, exames feitos imediatamente após o acidente constataram que oito trabalhadores apresentavam um "leve estado de embriaguez" e outros nove estavam de ressaca.

Leia mais sobre: acidentes

    Leia tudo sobre: acidentecazaquistãoponte

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG