Um policial do metrô de San Francisco, que disparou contra um jovem negro na estação de um subúrbio no dia do Ano Novo, foi preso no estado vizinho de Nevada e será levado para a Califórnia ainda nesta quarta-feira, onde será acusado de homicídio.

A comunidade de Oakland, subúrbio de San Francisco, foi palco de fortes manifestações nas últimas semanas, desde que um oficial do sistema de transporte subterrâneo da cidade, o Bay Area Rapid Transit (Bart), atirou em Oscar Grant, um jovem negro de 22 anos, supostamente para dispersar uma briga no metrô.

O tiroteio foi gravado em vídeo e transmitido pelas redes de TV americanas e na Internet.

O oficial envolvido, Johannes Mehserle, também bastante jovem, foi detido na terça à noite em uma casa perto da estação de ski Lake Tahoe, no estado de Nevada.

Segundo o procurador do condado de Alameda, ao leste de San Francisco, Mehserle foi acusado do assassinato de Grant e será transferido para a Califórnia nas próximas horas.

pb/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.