Policial morre em ataque contra colégio eleitoral no Iraque

Bagdá, 28 jan (EFE).- Um oficial da Polícia morreu hoje e um agente ficou ferido nas proximidades de Tikrit, no norte do Iraque, no primeiro ataque registrado contra um colégio eleitoral nas eleições provinciais, segundo fontes policiais iraquianas.

EFE |

As fontes explicaram à Agência Efe que vários insurgentes em um carro dispararam contra um centro eleitoral, onde votavam policiais no centro da cidade de Tuz, 90 quilômetros ao leste de Tikrit, capital da província de Salah ad-Din.

O ataque aconteceu enquanto os agentes tiravam as urnas do colégio para levá-las à sede central para a apuração de votos em Tikrit.

Os colégios eleitorais iraquianos abriram hoje suas portas para que os membros das forças de segurança, os doentes e os presos votem nas eleições provinciais, que acontecerão para o resto da população no próximo sábado.

Segundo números oficiais, cerca de 15 milhões de cidadãos com direito a voto estão convocados para escolher seus representantes em 14 das 18 províncias do país, no primeiro pleito no Iraque desde o geral, de 2005.

Nestas eleições, a atual composição política do país, marcada pela divisão étnica e religiosa, enfrenta novos partidos e personalidades, mais caracterizados por seu laicismo e nacionalismo, segundo analistas. EFE ah/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG