Policial georgiano é assassinado perto da fronteira com a Ossétia do Sul

Tbilisi, 10 set (EFE).- Um policial georgiano foi assassinado hoje por um comando da Ossétia do Sul perto da fronteira com essa região separatista, informou hoje o Ministério do Interior da Geórgia.

EFE |

Kaja Tsotniashvili, de 27 anos, foi baleado quando estava sozinho em um posto de controle na localidade georgiana de Karaleti, a cerca de 18 quilômetros da capital da Ossétia do Sul, Tskhinvali.

O policial, que morreu no hospital, levou dois tiros: um na garganta e o outro na cabeça.

O comando da Ossétia do Sul, que realizou os disparos de uma casa abandonada, era formado por sete homens, que fugiram após o ataque.

O Ministério de Exteriores georgiano acusou os soldados de paz russos, cujo posto de observação fica a menos de um quilômetro do georgiano, de não fazer nada para prevenir o ataque.

A pedido da parte georgiana, soldados russos estão procurando os atacantes, mas, por enquanto, não obtiveram resultado, segundo um porta-voz das forças de paz russas. EFE mv/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG