Policiais matam terrorista que ia atacar posto de controle no Iraque

Bagdá, 14 jul (EFE).- Um homem usando um cinto de explosivos morreu hoje após ser atingido por tiros de agentes de segurança iraquianos nas proximidades de um posto de controle em Mossul, 400 quilômetros ao norte de Bagdá, informaram fontes policiais.

EFE |

Segundo as fontes, o terrorista não obedeceu as ordens dos agentes para parar, o que fez com que eles tenham aberto fogo, o matando antes de ele alcançar o posto.

Por outro lado, membros da Polícia descobriram hoje cinco corpos em Mossul que apresentavam marcas de tiros na cabeça. Eles se juntam a outros sete cadáveres encontrados ontem na mesma região.

Enquanto isto, em Faluja, 50 quilômetros ao leste de Bagdá, foi estabelecido de forma indefinida o toque de recolher diante da diminuição da segurança, informaram fontes policiais.

Esta decisão foi tomada um dia depois de quatro policiais morrerem e outras oito pessoas ficarem feridas após a explosão de dois explosivos de forma consecutiva em Faluja. EFE am/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG