Policiais matam conselheiro militar de líder da Al Qaeda para o Magrebe

Argel, 4 set (EFE).- Unidades da Polícia Judiciária de Tizi-Ouzou, capital da região da Cabília, mataram na última quarta um importante líder da rede terrorista Al Qaeda no Magrebe Islâmico (AQMI) identificado como Selami Abdelkader, informou hoje a imprensa argelina.

EFE |

Segundo fontes policiais, ele é o conselheiro militar do líder da AQMI, Abdelmalek Droukdel, conhecido como "Musab Abdel Wadoud".

O terrorista foi localizado e seguido pelos agentes da Polícia Judiciária nas proximidades da localidade de Tadmati, na província de Tizi-Ouzou, e acabou morto após uma troca de tiros.

Os policiais apreenderam seu fuzil Kalashnikov e transferiram seu corpo para o hospital da capital da Cabília, onde foi identificado.

As mesmas fontes disseram que foram encontrados documentos importantes com o terrorista, mas não informaram de que os mesmos tratavam.

Esta operação representa um grande êxito para as forças de segurança em razão da importância de seu cargo como conselheiro do líder máximo da AQMI. EFE sk/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG