Policiais encontram vala comum com 2 mil corpos na RDC

Kinshasa, 26 nov (EFE) - Uma vala comum, com dois mil corpos, foi encontrada em Bukavu, capital da província de Kivu Sul e a principal cidade do leste da República Democrática do Congo (RDC), informou a Radio Télévision Nationale Congolaise (RTNC).

EFE |

A emissora afirmou que a fossa foi descoberta no final da semana passada em um terreno que pertenceu a um membro da Coligação Congolesa para a Democracia (RCD, em francês), um grupo armado apoiado por Ruanda que ocupou o leste da RDC durante a guerra de 1998 a 2003.

A RCD, no final da conflagração, se integrou na administração e no Parlamento de Kinshasa.

O terreno foi comprado por um novo dono para construir uma casa e, durante as obras, começaram a aparecer ossos humanos em grande quantidade, pelo que denunciou a Polícia.

Os agentes, que prosseguem as investigações, encontraram os restos de pelo menos dois mil pessoas, segundo a televisão. EFE py/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG