Polícia reprime partidários de crítico de presidente sul-africano

Manifestantes protestam contra audiência disciplinar de Julius Malema, líder da ala jovem do CNA e ex-aliado de Zuma

iG São Paulo |

A polícia sul-africana usou granadas de efeito moral e canhões d'água nesta terça-feira para dispersar partidários do líder da Liga da Juventude do Conselho Nacional Africano (CNA), Julius Malema. Antes um aliado próximo do presidente da África do Sul, Jacob Zuma, ele se tornou um crítico de várias políticas do líder e do CNA.

AP
Partidários de Malema queimam camiseta com foto de Zuma durante protesto em Johanesburgo, na África do Sul

Male enfrenta uma audiência disciplinar na legenda que poderá significar um golpe para sua carreira política. Se for considerado culpado da acusação de causar discórdia no partido, na segunda audiência disciplinar em pouco mais de um ano, Malema poderá ser suspenso do partido por vários anos.

Isso silenciaria seus pedidos por nacionalização do setor de mineração, para o alívio dos investidores, mas enfureceria milhares de simpatizantes. Com Malema fora do CNA, Zuma também pode ter dificuldades para manter sua vida política, já que o líder da juventude do partido foi um pilar fundamental para sua eleição.

Nesta terça-feira, multidões atiraram pedras e garrafas de cerveja contra a polícia, atearam fogo a bandeiras do CNA e a cartazes do presidente Jacob Zuma em frente à sede do partido no centro de Johanesburgo. Pelo menos um policial e vários jornalistas ficaram feridos.

Foi o incidente mais grave a ocorrer em frente à sede do partido governista da África do Sul desde o fim do apartheid em 1994, disse o secretário-geral do CNA, Gwede Mantashe.

"Não estamos intimidados. Se isso é uma tentativa de intimidar, não está funcionando", disse Mantashe, culpando a Liga da Juventude pela violência. "Aqueles que trouxeram essa multidão aqui terão de assumir a responsabilidade."

Com Reuters

    Leia tudo sobre: zumaáfrica do sulcnaJulius Malema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG