Tido como um dos chefes de um grupo de narcotráfico com atuação mundial, Carlos Beltrán Leyva, de 40 anos, foi preso pela polícia mexicana neste sábado. De acordo com autoridades do país, ele foi capturado em 30 de dezembro na cidade de Culiacán, espécie de base para o cartel Beltrán Leyva.

Há duas semanas, o irmão de Carlos, Arturo, morreu após um confronto com soldados do exército mexicano. Outro irmão do acusado, Alfredo, foi para a cadeia em janeiro de 2008.

A polícia diz que Carlos Beltrán Leyva carregava duas armas no momento da prisão e apresentou documentos falsos.

AP
Beltrán Leyva

Leia mais sobre: México

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.