SOFIA - Os 37 passageiros feitos reféns em um ônibus na Bulgária foram libertados e o sequestrador, um homem de 33 anos, foi preso pela polícia nesta terça-feira. As informações são da CNN.

O homem havia sequestrado o ônibus nesta manhã, em uma pequena vila búlgara, e afirmou que tinha colocado uma bomba no bagageiro. O ônibus havia saido da capital do país, Sofia, e ia para a cidade de Varna.

Segundo a Bulgarian News Network, rede local de notícias, o sequestrador é Dimitar Blazhev, de 33 anos, que afirmava ter uma bomba no bagageiro do ônibus. Blazhev teria ameaçado detonar a bomba caso suas exigências não forem cumpridas.

A Bulgarian News Network afirma que Blazhev contatou a polícia pedindo que um homem que atropelou sua namorada, que estava grávida, fosse levado à Justiça. O sequestrador divulgou todas as informações do suposto motorista que atingiu a namorada.

O ônibus, com todos os reféns, ficou estacionado em um posto de gasolina. A polícia cercou o veículo e negociou a libertação dos reféns com o sequestrador. "Eu lamento ter que fazer isso e estou pronto para me desculpar com os passageiros. Eu não quero machucar ninguém. Só quero que o homem que atingiu minha namorada seja trazido para mim", disse Blazhev a uma estação de TV.

Leia mais sobre sequestros

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.