Polícia paraguaia destrói 194 hectares de maconha na fronteira com Brasil

Assunção, 13 jun (EFE).- Um total de 194 hectares de cultivos de maconha foi destruído em uma operação antidroga realizada entre 4 e 12 junho no departamento paraguaio de Amambay, na fronteira com o Brasil, informaram hoje as autoridades, que contaram com o auxílio da Polícia Federal brasileira (PF).

EFE |

A operação Nova Aliança IV se centrou nas montanhas limites com as localidades de Capitán Bado e Pedro Juan Caballero, esta ultima capital de Amambay, 450 quilômetros a nordeste de Assunção, afirmou a Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) em comunicado.

O organismo explica que o carregamento "equivale a deixar fora de circulação cerca de 582 toneladas de maconha, levando em conta que a produção por hectare é de uma média de três mil quilos".

A operação "se desenvolveu com o apoio de helicópteros da Força Aérea e a Aviação Naval e contou com observadores da Polícia Federal", afirma o comunicado, que enfatiza que 80% da produção de maconha paraguaia tem como destino o mercado brasileiro. EFE lb/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG