Polícia paquistanesa tenta conter violência em Karachi

Islamabad, 1º mai (EFE).- Cerca de cinco mil membros das forças de segurança foram desdobrados na cidade portuária paquistanesa de Karachi para conter os enfrentamentos entre dois grupos étnicos que começaram há dois dias e já deixaram 30 mortos, informou hoje à Agência Efe uma fonte policial.

EFE |

O chefe da Polícia de Karachi, Wasim Ahmed, explicou que "a violência se concentrou fundamentalmente no norte da cidade", e assegurou que os agentes velarão pela segurança dos cidadãos.

"A situação está voltando à calma", resumiu.

Trinta pessoas morreram e 25 ficaram feridas desde o início dos tiroteios e enfrentamentos entre a etnia pashtun e muçulmanos que falam urdu, comunidade majoritária de Karachi. EFE igb/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG