Polícia obriga discoteca infantil a abaixar o volume na Nova Zelândia

WELLINGTON, Nova Zelândia - Um grupo de crianças dançando ao som de músicas infantis numa discoteca no jardim da infância teve que abaixar o volume ou arriscaria ter que parar com a diversão por causa da patrulha do barulho que invadiu a cena.

AP |

A patrulha, tratada como "absurda" por uma das professoras, aconteceu na sexta-feira à noite na escola One Tree em Auckland, a maior cidade da Nova Zelândia.

Os pais e as crianças dançavam ao som de "Bob the Builder" e "Chicken Dance" quando um vizinho irritado estragou a festa chamando a patrulha de controle do barulho.

A professora Jenny Skerritt afirmou na terça-feira que as autoridades (que estavam um pouco "envergonhadas) apareceram repentinamente na porta com um aviso para que o volume fosse abaixado.

Skerritt disse que havia mesmo algum barulho, mas não o suficiente para incomodar nem mesmo alguns bebês que dormiam no local.

"Eu não acho que estava tanta bagunça, mas tudo depende do ponto de vista", ela disse à Rádio Nacional.

Eles abaixaram o volume da discoteca, que terminou por volta das 19h.

A discoteca acontece um vez por ano e nunca causou tamanha comoção, afirmou a diretora da escola Lisa Gordon, acrescentando que planeja "enquadrar a notificação policial".

Leia mais sobre Nova Zelândia


    Leia tudo sobre: nova zelândia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG