As forças policiais mataram um homem que, com uma arma de fogo e uma granada, fez cinco reféns numa agência bancária na cidade de Leninsk-Kuznietski (Sibéria ocidental), informou o governador da região, Aman Touleïev.

O ataque começou às 19H00 local (12H00 GMT) e, segundo a Ria Novosti, o agressor queria dinheiro e a libertação de uma pessoa presa.

ahe/vl/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.