Polícia italiana busca meninas gêmeas suíças

Alessia e Livia Schepp têm seis anos e estavam com o pai, antes de ele cometer suicídio na última quinta-feira

EFE |

A Polícia italiana continua as buscas, neste domingo, por Alessia e Livia Schepp, gêmeas suíças de seis anos desaparecidas há uma semana, após saírem para passar o fim de semana com seu pai, que cometeu suicídio na última quinta-feira em uma estação de trem de Cerignola, ao sul da Itália.

Segundo o jornal italiano La Repubblica deste domingo, as autoridades italianas cogitam a possibilidade de o pai ter deixado as meninas sob responsabilidade de alguma pessoa antes de cometer suicídio.

AFP
Em Cerignola, polícia italiana mostra alerta sobre as gêmeas suíças desaparecidas (5/2/2011)
Com base nas últimas investigações, Mathias Schepp, pai das meninas, sacou 7,5 mil euros em vários caixas entre segunda e terça-feira, mas no momento da morte estava com 100 euros na carteira, por isso as autoridades acreditam que ele possa ter pago a alguma pessoa para cuidar das meninas.

No sábado anterior, Schepp buscou as filhas em Lausanne, an Suíça, onde viviam com a mãe, para passar o fim de semana, mas dois dias depois os três não foram mais vistos.

A última comunicação de Schepp foi em 31 de janeiro, quando enviou um postal a ex-mulher em Marselha, dizendo estar desesperado e que não poder viver sem ela. Na quinta-feira passada, dia 3, Schepp se suicidou. Ele se jogou em uma via de trem na estação de Cerignola e desde então não se sabe o paradeiro das meninas.

Operações

As operações de busca das gêmeas estão ocorrendo na Itália, França e Suíça. Na Itália, a busca é centrada ao redor da estação de Cerignola, onde foi encontrado o carro que Schepp teria usado para viajar de Marselha ao sul da Itália.

"Podem estar em qualquer lugar, esperamos que estejam vivas", disse o chefe da Polícia de Foggia, que coordena às buscas em Cerignola, como detalha o La Repubblica.

Até o momento, agentes a cavalo e em helicópteros rastreiam a região sem sucesso. Roupas das meninas foram dadas a cães na tentativa que farejem o paradeiro delas.

    Leia tudo sobre: gêmeassuíçapaiitáliasuicídio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG