Polícia grega entra em confronto com manifestantes

Por Lefteris Papadimas e Angeliki Koutantou ATENAS (Reuters) - Policiais gregos entraram em confronto com jovens que protestavam na frente do Parlamento na sexta-feira contra medidas de austeridade, mas os parlamentares ainda assim aprovaram o projeto numa votação de emergência.

Reuters |

A polícia disparou gás lacrimogêneo a fim de dispersar dezenas de manifestantes que jogavam pedras, queimavam contêineres de lixo e brigavam com outros manifestantes. Além disso, greves fecharam escolas e paralisaram o transporte público em Atenas.

A polícia afastou os manifestantes da escadaria do parlamento, pouco antes de os parlamentares aprovarem boa parte de um pacote de 4,8 bilhões de euros (6,5 bilhões de dólares), que incluem cortes nos bônus dos servidores públicos e um aumento de 2 por cento no imposto sobre a circulação de mercadorias e serviços.

Cerca de 12 mil manifestantes foram às ruas, de acordo com a estimativa da polícia, a maioria deles de forma pacífica. Gritando "nunca, nunca, nunca", eles protestaram contra as medidas de austeridade destinadas a combater o enorme déficit fiscal da Grécia e uma dívida de 300 bilhões de euros (408 bilhões de dólares).

"Estamos lutando contra as medidas de austeridade, os cortes nos salários e as novas taxas", disse a estudante Christina Vasilopoulou, de 21 anos, que marchava rumo ao parlamento. "Com essas medidas apenas uma pequena porcentagem da dívida será cortada e os pobres sofrerão mais."

Os únicos ônibus circulando pelas ruas de Atenas na sexta pertenciam à polícia antichoque. No aeroporto, mais de 60 vôos foram cancelados, uma vez que os sindicatos convocaram paralisações improvisadas.

Uma pesquisa de opinião mostrou uma forte oposição da população a algumas medidas como um imposto mais alto e o congelamento das pensões públicas, mas apoio para medidas como o aumento no imposto sobre o álcool, os cigarros e os bens de luxo.

(Reportagem adicional de Tatiana Fragou, Yannis Behrakis e Ingrid Melander)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG