Polícia filandesa havia interrogado autor de massacre em escola

Helsinque, 23 set (EFE).- A Polícia finlandesa havia interrogado na segunda-feira o jovem que hoje matou nove pessoas em uma escola de formação profissionalizante da Finlândia, mas decidiu não tomar nenhuma medida contra ele, porque não o considerou perigoso, segundo informou a ministra do Interior finlandesa, Anne Holmlund.

EFE |

As autoridades confirmaram que o autor do massacre é Matti Juhani Saari, o mesmo jovem de 22 anos que colocou quatro vídeos no site YouTube com o nome de usuário "Wumpscut86", nos quais ele aparece com uma pistola.

Estes vídeos - muito semelhantes aos gravados por Pekka-Eric Auvinen antes de assassinar a tiros oito pessoas e se suicidar depois em um instituto finlandês em 7 de novembro do ano passado - levantaram as suspeitas de um internauta, que avisou a Polícia. EFE jg/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG