Polícia fere 6 jornalistas ao dispersar protesto no Nepal

Katmandu, 22 dez (EFE) - Seis jornalistas ficaram feridos hoje quando a Polícia tentou dispersar uma manifestação de repórteres em Katmandu, em protesto contra o recente ataque à sede de um grupo de comunicação por parte de ativistas aliados ao governante Partido Maoísta do Nepal, informaram fontes oficiais.

EFE |

Um dos repórteres foi ferido na cabeça, acrescentaram as fontes.

"Continuaremos com os protestos até que a liberdade de imprensa e de expressão e outros direitos fundamentais sejam garantidos e os jornalistas sejam protegidos", disse na manifestação o presidente da Federação de Jornalistas nepaleses, Dharmendra Jha.

Ele qualificou de "exemplo de terrorismo de Estado" o ataque deste domingo à sede da "Himalmedia" e a agressão aos repórteres por parte de um grupo de 50 militantes maoístas.

O ataque foi condenado pelas organizações internacionais com sede no Nepal. EFE ms/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG