Polícia fecha fórum na internet usado para fraudar cartões

A polícia de Londres anunciou nesta sexta-feira ter fechado um fórum secreto na internet usado por fraudadores para vender detalhes de cartões de cartão de crédito de milhares de pessoas. De acordo com os policiais, 60 pessoas foram presas até agora acusadas de participação no esquema internacional, que envolvia uma rede de criminosos presentes em países como Grã-Bretanha, Estados Unidos, Alemanha e Turquia.

BBC Brasil |

As investigações sobre o Darkmarket (mercado negro), como o fórum era conhecido, começaram há dois anos e envolveram o FBI.

Especialistas em computador, entre eles alguns ex-hackers, rastrearam e-mails e outras pistas eletrônicas para identificar endereços dos fraudadores.

Em Londres, a polícia chegou à casa de um jovem de 19 anos no norte da cidade. O rapaz foi detido e teve seus computadores, laptops e telefones celulares apreendidos.

"Os criminosos acham que podem ficar anônimos quando estão online", disse Kevin Ives, da Agência de Crimes Organizados Sérios (Soca, na sigla em inglês) da polícia da Londres.

"Mas há sempre uma pista eletrônica que pode ser seguida e nós vamos persegui-los", disse o especialista em fraude, acrescentando que só na Grã-Bretanha 11 pessoas foram detidas.

Segundo os investigadores, o Darkmarket oferecia a criminosos um espaço para comprar a vender bens e serviços roubados e trocar conhecimentos sobre como fazer as fraudes.

"Nós prendemos um homem que em apenas seis semanas gastou 250 mil libras para obter informações e números que, se tivessem sido usados, lhe teriam rendido cerca de 10 milhões de libras".

A polícia londrina admite que o Darkmarket poderá ser substituído por outro site similar e afirma estar "afinando" suas técnicas de investigação.

Leia mais sobre hackers

    Leia tudo sobre: hackerhackers

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG