Polícia encontra nove cadáveres em vala comum em Bagdá

Bagdá, 19 dez (EFE).- A Polícia iraquiana encontrou hoje uma vala comum os cadáveres de nove pessoas, que se encontrava em junto aos alicerces de uma casa em construção no leste de Bagdá, perto do bairro de maioria xiita de Cidade de Sadr.

EFE |

Segundo fontes policiais, os primeiros indícios apontam que as nove pessoas foram assassinadas e enterradas há diversos meses neste lugar, situado no bairro de Ur, pois seus corpos se encontravam em estágio avançado de putrefação.

Esta região esteve sob controle da milícia Exército Mehdi, fiel ao clérigo xiita Moqtada al-Sadr, até as forças governamentais tomarem seu controle, em março.

Já na praça Maysalun, no leste da capital, seis pessoas, entre elas três policiais, ficaram feridas na explosão de uma bomba durante a passagem de um carro da Polícia.

A explosão também causou danos materiais em diversas lojas da praça, segundo policiais, que acrescentaram que o esquadrão antibombas conseguira desativar uma bomba próxima a uma mesquita xiita em Sidia, no sudoeste de Bagdá. EFE sj/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG