Polícia encontra corpos de quatro bebês em apartamento no Japão

Quatro corpos de bebês em decomposição foram encontrados em sacos plásticos no domingo em Tóquio. Segundo informações divulgadas nesta segunda-feira pela polícia da capital japonesa, eles estavam escondidos em um apartamento de uma mulher que cometeu suicídio na semana passada.

BBC Brasil |

Os investigadores disseram que, por causa do estado avançado de decomposição, os bebês devem ter morrido já há alguns anos.

Quase todas as partes dos corpos já estavam somente com os ossos. De acordo com os investigadores, ainda não foi possível precisar a idade dos bebês.

A notícia ganhou destaque na imprensa japonesa. A emissora Nihon TV, um dos principais canais locais, fez uma longa reportagem sobre o caso, com depoimento dos vizinhos. Os jornais japoneses noticiaram o fato nas edições vespertinas desta segunda-feira.

Mistério
A dona do apartamento, de 51 anos, morava sozinha há mais de dez anos. Ela foi encontrada morta, enforcada dentro de um banheiro público de um parque próximo à sua casa.

Aparentemente, ela teria cometido suicídio e deixado um bilhete. "Tenho passado por problemas financeiros. Não tenho mais condições de pagar o aluguel", dizia a nota.

Segundo informações do boletim de ocorrência, os corpos dos bebês foram encontrados pela irmã mais nova da mulher. Acompanhada do marido, ela teria ido ao apartamento no final de semana para fazer a limpeza e entregar o imóvel.

Lá, os dois teriam encontrado os sacos de lixo amontoados. Quando abriram um deles, sentiram um cheiro estranho e chamaram a polícia.

Os bebês estavam acondicionados separados e agora uma autópsia vai revelar se eles eram filhos da mulher que se suicidou.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG