em missão para matar Obama - Mundo - iG" /

Polícia dos EUA detém homem que se declarou em missão para matar Obama

Washington, 6 jun (EFE).- As autoridades detiveram um homem em um cassino de Las Vegas cuja missão era matar o presidente americano, Barack Obama, informaram fontes judiciais.

EFE |

Em uma operação conjunta, a Polícia Federal e o serviço secreto detiveram Daniel James Murray, depois que ele retirou uma grande quantia em dinheiro de um banco de Utah e revelou à caixa que estava "em missão para matar" Obama.

Murray foi detido na sexta-feira e se encontra em prisão preventiva até ser levado à Corte, provavelmente na segunda-feira, disse a porta-voz da Procuradoria de Salt Lake City (Utah), Barbara Bearson, ao canal de televisão "ABC".

O detido, que possui pelo menos oito armas, foi em 27 de maio ao Banco Zions de St. George (Utah) para tirar US$ 12,698 mil de sua conta.

Murray não tinha a identificação necessária para retirar o dinheiro, indica o jornal "Daily News" em sua edição on-line, e, perante as objeções do empregado do banco, o ameaçou para que desse o dinheiro.

"Não é por ser desrespeitoso, mas, se não conseguir esse dinheiro, alguém vai morrer", disse.

Após receber o dinheiro, foi novamente ao empregado e, como explicação, disse que estava "em missão para matar o presidente dos Estados Unidos".

Desde então, a Polícia estava procurando Murray, de 36 anos e originário de Nova York, a quem os vizinhos conhecem como "o homem da capa preta", porque ele sempre vestia uma destas peças. EFE elv/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG