Polícia do Iêmen impede seqüestro de turista americano

Sana, 2 out (EFE).- A Polícia impediu hoje uma tentativa de seqüestro de um turista americano e de sua família no sul do Iêmen, segundo um comunicado do Ministério do Interior.

EFE |

A nota, divulgada no site do Ministério, afirma que a tentativa de seqüestro ocorreu na província de Zemar, 100 quilômetros ao sul da capital Sana, quando três homens armados interceptaram o carro em que viajavam o turista e sua família, cujo número de integrantes não foi especificado pelas autoridades iemenitas.

O comunicado informa que as forças de segurança atuaram e fizeram a tentativa de seqüestro fracassar, e que a Polícia empreendeu uma operação de busca dos três homens armados, que conseguiram fugir.

O incidente ocorre duas semanas depois do seqüestro de dois engenheiros colombianos por membros de uma tribo do centro do Iêmen, a etnia Al-Kazem. Os sul-americanos foram libertados três dias depois graças à mediação do xeque de um clã.

O seqüestro de estrangeiros, especialmente de turistas e de trabalhadores da indústria do petróleo, se tornou um crime freqüente no Iêmen.

A maioria desses seqüestros serve para pressionar o Governo do presidente iemenita Ali Abdullah Saleh a aceitar as reivindicações de líderes tribais.

Em dezembro de 1998, três turistas britânicos e um australiano morreram após serem capturados por um grupo islamita, quando forças de segurança iemenitas tentaram resgatá-los. EFE ja/ab/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG