Teerã, 5 ago (EFE).- A Polícia iraniana deteve hoje pelo menos dez pessoas que tentavam iniciar protestos no centro de Teerã durante a posse do presidente eleito, Mahmoud Ahmadinejad, no Parlamento da capital.

Segundo pôde comprovar a Agência Efe, pelo menos dez pessoas, com as mãos algemadas, foram levadas ao interior de um furgão policial estacionado nas imediações do Parlamento, onde milhares de pessoas se concentraram para tentar protestar contra o juramento do presidente.

A detenção faz parte do grande aparato policial, um dos maiores dos últimos tempos, ordenado pelas autoridades iranianas para evitar protestos opositores em Teerã.

Testemunhas contaram que outras cinco pessoas foram levadas a um carro policial, enquanto faziam o sinal da vitória e avisavam aos demais manifestantes que estavam sendo detidas. EFE msh/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.