Dublin, 28 fev (EFE).- Seis homens e uma mulher foram detidos e estão sendo interrogados hoje por sua relação com o roubo de aproximidamente 7 milhões de euros de uma filial do Bank of Ireland em Dublin, informou hoje a Polícia.

As sete pessoas foram detidas ontem à noite, depois que agentes revistaram um imóvel na capital irlandesa, acrescentou a fonte.

A Polícia apontou uma quadrilha do norte de Dublin como principal suspeita do assalto, cometido ontem de manhã.

Os assaltantes obrigaram um funcionário da agência bancária a abrir os cofres enquanto seis membros da quadrilha mantinham como reféns a namorada daquele, o filho desta e outra mulher.

Segundo um porta-voz da Polícia, a família passou a noite de quinta para sexta-feira em poder dos assaltantes, que pela manhã levaram o funcionário até uma agência do Bank of Ireland.

Depois de roubar o dinheiro, o empregado entregou-o à quadrilha na estação de trem de Clontarf, ao norte de Dublin, enquanto a namorada dele e os outros dois reféns foram soltos na localidade de Ashbourne, no condado de Meath.

Segundo a Polícia, todos ficaram "profundamente traumatizados" pelo incidente. EFE ja/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.