Polícia detém 4 estrangeiros acusados de pedofilia na Tailândia

Bangcoc, 11 nov (EFE).- Dois cidadãos britânicos, um alemão e um americano foram detidos hoje na Tailândia acusados de pedofilia, informaram fontes policiais.

EFE |

O general da Polícia Chaiwat Kaetworachai disse que o grupo foi detido na cidade de Pattaya, cerca de 150 quilômetros ao leste de Bangcoc, em uma operação que começou em 17 de novembro.

Os britânicos Malcolm Henry Payne e Robert Alexander Horsman, o alemão Fritz Dieter Blatter e o americano Robert Roy Lond estão acusados de raptar e abusar sexualmente de menores.

O cidadão tailandês Saeng Kaetdee também foi detido por suspeita de ser cúmplice dos estrangeiros.

"Cidadãos estrangeiros e redes internacionais facilitam o abuso de menores na Tailândia, por isso devemos acabar com este crime", disse Kaetworachai.

Uma denúncia da organização britânica Centro de Proteção On-line contra a Exploração Infantil (CEOPC, em inglês) alertou a Polícia sobre as atividades ilegais dos detidos.

Os cinco foram colocados à disposição judicial na Tailândia, onde deverão fazer frente às acusações.

O pedófilo mais procurado pela Interpol, o canadense Christopher Paul Neil, foi aprisionado em outubro de 2007 na Tailândia, após uma operação de busca e captura internacional.

Neil, acusado de abusos sexuais contra pelo menos dois menores, entre outros crimes relacionados com a pornografia infantil, é julgado atualmente na Tailândia e poderia ser condenado a até 20 anos de prisão.

Em maio, um turista britânico e outro alemão foram detidos separadamente por manter relações sexuais com menores. EFE grc/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG