Polícia detém 10 prefeitos em ação contra tráfico de drogas no México

México, 26 mai (EFE).- Uma grande operação contra o tráfico de drogas terminou hoje com dez prefeitos, um juiz e 16 funcionários de segurança pública detidos no estado de Michoacán, no oeste do México, informou a Procuradoria Geral da República (PGR).

EFE |

Entre os detidos estão Ramón Ponce Ponce, coordenador de auxiliares do procurador estadual, e o ex-subprocurador Jaime Liera Álvarez, atualmente juiz de La Piedad, um município da região.

As detenções aconteceram "em uma ação simultânea em diversos pontos do estado de Michoacán por supostos vínculos com o crime organizado" na qual colaboraram o Exército e a Procuradoria federal.

Os detidos presidiam as Prefeituras de Apatzingan, Tepalcatepec, Arteaga, Uruapan (a segunda principal cidade do estado), Coahuayana, Zitácuaro, Aquila, Buenavista, Ciudad Hidalgo e Tumbiscatío.

Os prefeitos detidos são dos principais partidos mexicanos, o Revolucionário Institucional (PRI) e o da Revolução Democrática (PRD), ao qual pertence o governador de Michoacán, Leonel Godoy.

Outros funcionários detidos são o diretor do Instituto Estadual de Formação Policial, o chefe de agentes da Direção de Governo Estadual, dois diretores de segurança pública municipal, diversos chefes de grupo, comandantes e policiais. EFE act/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG