Bogotá, 12 mar (EFE).- A Polícia colombiana descobriu um plano das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) para a realização de um atentado contra o ministro da Defesa do país, Juan Manuel Santos, disse hoje em Bogotá o chefe da corporação, general Óscar Naranjo.

Segundo o oficial, o complô foi descoberto no computador de José Marvel Zamora, um dos chefes da Rede Urbana "Antonio Nariño" (RUAN), detido pelo Exército no fim de outubro nas montanhas de Coyaima, a menos de 200 quilômetros de Bogotá.

O diretor da Polícia Nacional disse que especialistas em informática acharam no computador de "Chucho", como Zamora é conhecido, "instruções claras para monitoramentos e tarefas de contrainteligência contra o ministro, tudo para cometerem um atentado contra ele".

"De alguma maneira, abortamos esse plano", afirmou o oficial, segundo quem o plano "se soma a outros seis achados anteriormente nos últimos meses".

Segundo Naranjo, todos os planos foram elaborados por ordem do comando central das Farc, que dá instruções à Coluna Móvel "Teófilo Forero" (facção de elite dos rebeldes) e à RUAN, que atua em Bogotá.

EFE jgh/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.