A polícia da Itália encontrou a escultura de um violão de brinquedo criada pelo famoso artista plástico espanhol Pablo Picasso para sua filha, Paloma. O objeto foi encontrado dentro de uma caixa de sapatos no apartamento de um comerciante na cidade de Pomezia, ao sul de Roma.

AP

Policial italiano mostra escultura de Picasso recuperada no sul de Roma

O comerciante, que não foi identificado, foi acusado de fraude e libertado sob fiança.

História
Originalmente, Picasso deu o pequeno violão em madeira ao artista plástico italiano Giuseppe Vittorio Parisi, que o emprestou ao comerciante para que ele fizesse uma caixa protetora em vidro para que o objeto pudesse ser exposto.

O plano era expor a obra de Picasso em um museu na cidade de Maccagno, uma pequena cidade no Lago Maggiore, no norte da Itália, onde Parisi nasceu. Mas a escultura desapareceu depois que Parisi a entregou ao comerciante, há dois anos.

Quando Parisi morreu, em janeiro deste ano, sua viúva disse à polícia que o objeto ainda estava em posse do comerciante.

Segundo a agência de notícias italiana Ansa, agora que foi resgatada, a escultura, batizada de "Pequeno Violão", será exposta no museu Maccagno. Um especialista teria feito a autenticação da obra, que traz a inscrição "Paloma".

Celebrado como o pioneiro do Cubismo, Picasso é considerado um dos artistas mais importantes do século 20.

Leia mais sobre: Picasso

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.