Polícia combate a gordura

O Comissário Nacional de Polícia da África do Sul, Bheki Cele, afirmou que a corporação não vai mais tolerar policiais acima do peso. Cele afirmou que, com a nova política, pretende criar uma nova tradição no país, na qual os criminosos vão temer a boa forma e a disciplina da força policial.

BBC Brasil |

De acordo com o correspondente da BBC em Pretória Jonah Fisher, a força policial da África do Sul tem um problema de imagem.

O país tem uma das taxas de criminalidade mais altas do mundo e seus policiais são vistos por muitos como ineficazes, corruptos em algumas ocasiões e acima do peso.

O chefe da polícia sul-africana afirmou que os policiais agora terão que caber nas calças que usavam quando foram treinados para entrar para a polícia.

Os que fizerem pedidos de ajustes e alargamento das fardas terão seus pedidos negados e, ao invés dos ajustes, receberão um plano de perda de peso que dura um ano, para que suas antigas roupas voltem a servir.

Aqueles que não conseguirem perder peso depois deste programa, serão demitidos.

A Copa do Mundo deve começar em menos de três meses e, segundo o correspondente da BBC em Pretória, a polícia da África do Sul pretende mostrar que está à altura da tarefa de proteger até 400 mil torcedores que devem visitar o país durante o torneio.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG