Polícia colombiana captura homem entrincheirado em casa com dois reféns

Bogotá, 6 set (EFE).- A Polícia colombiana capturou neste sábado um homem entrincheirado em uma casa com uma mulher e uma criança como reféns, que ameaçava explodir um botijão de gás, na cidade colombiana de Cúcuta, capital do departamento (estado) do Norte de Santander.

EFE |

O coronel da Polícia Jorge Ivan Flórez disse a jornalistas que o detido também tinha matado duas pessoas que, aparentemente, tentaram impedir que se suicidasse e que estavam conversando com ele.

Versões de moradores dizem que o homem é um comerciante dos arredores e que, aparentemente, no momento dos fatos estava bêbado e também sob efeitos de outras substâncias.

O coronel Flórez declarou também que o indivíduo se entrincheirou na casa e tomou como refém uma mulher e uma criança, por isso que se agiu com prudência porque se buscava preservar a vida das pessoas retidas.

O drama que manteve em suspense um populoso setor de Cúcuta se prolongou por cerca de seis horas e terminou quando soldados da Polícia e de outros corpos de segurança, disfarçados de jornalistas e operadores de câmera, conseguiram enganar o homem, que acabou sendo rendido. EFE ocm/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG