Polícia boliviana acha laboratório de cristalização de cocaína

La Paz, 8 ago (EFE).- A força antidroga da Bolívia achou um laboratório de cristalização de cocaína no leste do país e deteve três homens que vigiavam um pequeno avião supostamente usado para levar o narcótico, informou hoje a agência estatal ABI.

EFE |

O laboratório foi descoberto na semana passada pela Unidade Móvel de Patrulha Rural (Umopar) em uma fazenda na província Guarayos, do departamento de Santa Cruz, leste, explicou o ministro de Governo (Interior), Alfredo Rada, citado pelo meio de comunicação.

Apesar de o laboratório ter sido abandonado há um mês, os oficiais antidroga encontraram no local produtos químicos para a fabricação de cocaína, além de centrífugas e fornos micro-ondas destruídos.

Os policiais também detiveram três homens que vigiavam um pequeno avião Cessna achado em uma pista clandestina de pouso distante 37 quilômetros da fábrica e que supostamente era usada pelos traficantes para transportar a droga.

Segundo a "ABI", as pessoas detidas e a aeronave foram levadas à cidade de Santa Cruz.

O diretor da Unidade Executora de Luta Integral Contra o Narcotráfico, general Miguel Vásquez, explicou que a fábrica é parecida com outra desmantelada em março também no departamento de Santa Cruz, na qual se aplicavam técnicas usadas por traficantes de drogas colombianos. EFE gb/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG