Polícia apreende 1,5 mil periquitos em apartamento na Alemanha

Berlim, 17 dez (EFE).- A Polícia alemã apreendeu hoje 1,5 mil periquitos que foram amontoados por um aposentado por invalidez em um pequeno apartamento de Berlim.

EFE |

Ontem, quando as autoridades locais, alertadas por vizinhos, entraram no imóvel, se depararam com os animais aglomerados em poleiros e com uma fila de incubadoras.

O chão da casa, de apenas dois cômodos, estava infestado de fezes, plumas e restos de comida para pássaros, informou hoje a veterinária municipal Margrit Platzer, que disse que a captura das aves, feita com redes, se estendeu por sete horas.

Segundo a veterinária, as aves estavam infestadas de parasitas, ácaros e lombrigas, embora no apartamento houvesse água e comida suficientes.

Apesar das condições em que os periquitos se encontravam, "não há indícios de que tenham sido contaminados pela perigosa doença dos papagaios".

Depois de apreendidos, muitos dos pássaros foram levados para abrigos de outras cidades, já que o de Berlim, para onde foram levados cerca de 800 das aves, encontra-se quase lotado.

A Associação de Amigos dos Periquitos, por sua vez, manifestou sua intenção de acolher alguns deles.

"Infelizmente, este dramático caso não é uma exceção", afirmou o presidente da Sociedade Protetora dos Animais de Berlim, Wolfgang Apel, segundo quem o número de colecionadores de pássaros se aumentou "drasticamente" nos últimos anos.

Segundo Apel, essas pessoas "adquirem animais por amor a eles, mas depois perdem o controle (...)".

O dono do imóvel agora é acusado de violar a Lei de Proteção dos Animais e a Lei Antiepidemias de Animais. EFE ira/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG