Berlim, 15 mar (EFE).- A Polícia alemã resgatou hoje ilesa uma criança de 21 meses, levada 38 horas antes da casa dos pais por dois desempregados que exigiam uma quantia milionária de resgate.

Um comando especial da Polícia colocou fim ao sequestro e libertou a menina, que foi escondida pelos sequestradores no quarto de uma pensão próxima à localidade de Emmendingen, no sul da Alemanha.

Os sequestradores, dois irmãos de 41 e 49 anos da mesma região, levaram o bebê de casa, após roubar 1,5 mil euros dos pais, que foram ameaçados com uma arma.

Com esse dinheiro, iniciaram a fuga em um carro alugado do qual trocaram a placa e se esconderam em uma pensão, para, em seguida, exigir um resgate em troca da criança.

A Polícia invadiu o quarto e resgatou a menina, que dormia em uma cama.

A família do bebê é de classe média e, em nenhum caso, segundo fontes policiais, conseguiriam pagar a quantia exigida pelos sequestradores. EFE gc/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.