Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Polícia alemã investe contra ativistas antinucleares

Berlim, 9 nov (EFE).- A Polícia alemã investiu hoje repetidamente contra grupos de manifestantes antinucleares para dissolver os bloqueios da via ferroviária na região de Dannenberg e abrir a passagem ao comboio de resíduos destinado ao cemitério atômico de Gorleben (norte da Alemanha).

EFE |

Os antidistúrbios usaram jatos de água a pressão e investiram contra as centenas de manifestantes postados sobre os trilhos e arredores, para despejar os últimos 50 quilômetros do trajeto até Dannenberg, cidade vizinha ao depósito.

O comboio partiu na sexta-feira da fábrica de reprocessamento de La Hague (França) com resíduos procedentes de centrais alemãs e entrou com mais de 12 horas de atraso pelo sul da Alemanha, por causa de repetidos bloqueios por parte de ativistas antinucleares.

Ao longo do domingo, o trem, composto por 11 vagões, cruzou mais de 1.000 quilômetros em direção a Dannenberg, onde ao longo do fim de semana tinham se concentrado até 16.000 pessoas para protestar contra o transporte.

O trecho mais complexo, no entanto, são os 50 quilômetros finais até Dannenberg, ainda por via ferroviária, após os quais se transportará a carga dos vagões para caminhões nas quais se transferirão os resíduos por estrada até o cemitério de Gorleben.

A passagem do trem foi impedida ontem por três ativistas que obstaculizaram as vias agarrados a elas com cimento, ao que seguiram hoje sucessivas ações de bloqueio, além de outras formas de protesto. EFE gc/ma

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG