acampamento de férias nazista - Mundo - iG" /

Polícia alemã fecha acampamento de férias nazista

A polícia alemã invadiu e fechou um acampamento de férias administrado por um grupo de neo-nazistas perto da cidade de Rostock, no norte da Alemanha. Os 39 jovens - entre eles, crianças e adolescentes - que visitavam o acampamento foram mandados de volta para casa, informou a polícia.

BBC Brasil |

O grupo responsável pelo acampamento vendia a experiência como uma "aventura de férias para jovens".

A batida da polícia revelou propaganda racista e textos de conteúdo nazista.

A polícia alemã diz estar cada vez mais preocupada com as ações e táticas dos grupos neo-nazistas no país.

O chefe do Bundeskriminalamt, a polícia federal do país, disse ao jornal alemão Der Tagesspiegel que os neo-nazistas estão adotando táticas cada vez mais violentas.

Falando ao jornal, Joerg Ziercke disse que os neo-nazistas estão "atacando pessoas da esquerda e policiais com uma agressão que pode ser vista como uma mudança de estratégia".

"Antes, neo-nazistas em grande parte evitavam violência por razões táticas, mas este não parece ser mais o caso", disse Ziercke.

"Eu vejo um novo caráter, principalmente depois dos protestos de 1º de maio em Hamburgo", ele teria dito ao jornal.

Os confrontos em Hamburgo aconteceram quando seis mil pessoas saíram às ruas para protestar contra uma marcha envolvendo cerca de 1.500 simpatizantes do partido de exterma direita NPD.

Na ocasião, 20 policiais foram feridos e cerca de 60 pessoas foram presas.

Ziercke disse também ao Der Tagesspiegel que incêndios provocados por grupos de direita estão aumentando, com cerca de 15 casos registrados nos primeiros cinco meses de 2008 - cinco vezes mais do que os ocorridos no mesmo período em 2007.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG