Polícia acha explosivos na casa de suspeito de matar 8 nos EUA

Washington, 20 jan (EFE).- A Polícia encontrou hoje vários tipos de explosivos na casa do homem detido pelo assassinato de oito pessoas em uma zona rural no estado da Virgínia (EUA).

EFE |

"Encontramos grande quantidade de explosivos dentro e fora da casa", disse o porta-voz da Polícia estadual, Tom Molnar.

O suspeito, Christopher Bryan Speight, de 39 anos, se entregou à Polícia esta manhã após se esconder durante a noite em uma floresta próxima a sua casa.

A Polícia informou que Speight não estava armado quando se entregou, mas, segundo os primeiros indícios da investigação, suspeitava-se que teria escondido explosivos dentro e fora da casa.

O porta-voz disse que especialistas detonaram os explosivos para maior segurança, enquanto a investigação continua em aberto.

As autoridades ainda não revelaram a causa do tiroteio, nem a relação que havia entre o agressor e as vítimas, embora a imprensa americana tenha apontado a hipótese de um conflito familiar.

A Polícia encontrou na terça-feira os corpos de três pessoas mortas a tiros dentro da casa de Speight e outras quatro fora, após receber um telefonema alertando sobre um homem caído em uma estrada, que morreu depois no hospital. EFE elv/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG