Autoridades de aviação abriram um inquérito para apurar as causas da explosão do pneu de um avião A380, da companhia aérea australiana Qantas, na quarta-feira.

O episódio aconteceu durante o pouso no aeroporto Kingsford Smith, em Sydney, na Austrália, e foi flagrado por um passageiro que filmava o sistema de vídeo interno do avião.


O voo tinha partido de Cingapura com 244 passageiros a bordo. Segundo a Qantas, ninguém correu risco, apesar de o fogo ter sido visto sob as asas.

No desembarque, passageiros elogiaram o piloto e afirmaram que, apesar do susto, a maioria conseguiu manter a calma.

A Qantas conta com seis A380 na sua frota e diz que nunca tinha registrado um caso como este.

Este foi o segundo incidente com aviões da Qantas nesta semana. Os engenheiros da companhia exigem aumentos salariais e ameaçam entrar em greve.

Leia mais sobre aviação

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.