Piratas somalis mataram dois tripulantes de navio taiuanês

Taipé, 25 fev (EFE).- Os piratas somalis que sequestraram o navio pesqueiro taiuanês Win Far 161 mataram dois de seus tripulantes, informou hoje o Ministério das Relações Exteriores de Taiwan.

EFE |

Um dos mortos tem nacionalidade indonésia, e o outro é chinês, informou o Ministério, que não forneceu mais dados sobre as mortes.

O barco de 700 toneladas foi sequestrado em abril de 2009 e libertado nos primeiros deste mês, após mais de sete meses de negociações.

A informação sobre os mortos foi divulgada com atraso devido a defeitos nos equipamentos de comunicação do "Win Far 161", relatou o Ministério.

A chegada do navio a Taiwan está prevista para a segunda metade de março. EFE flp/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG