Piratas somalis mantêm retido capitão de cargueiro americano

Washington, 8 abr (EFE).- Os piratas somalis que capturaram hoje o cargueiro com bandeira americana Maersk Alabama mantêm retido o capitão da embarcação, disse um dos tripulantes à rede de televisão americana CNN.

EFE |

Fontes do Pentágono informaram hoje que os tripulantes do "Maersk Alabama" já recuperaram o controle do navio.

O segundo oficial do cargueiro, Ken Quinn, afirmou por telefone à "CNN" que os 20 membros da tripulação tentam libertar o capitão oferecendo comida aos sequestrados como moeda de troca.

A autoridade ressaltou que os quatro piratas e o capitão estão no bote salva-vidas, após a embarcação dos sequestradores ter afundado depois do ataque ao cargueiro americano.

Quinn disse que a tripulação conseguiu prender um pirata e mantê-lo detido durante 12 horas, e que, posteriormente, ele foi solto em troca da libertação do capitão, mas o acordo não foi cumprido.

O cargueiro, de 17 mil toneladas, foi capturado hoje por volta de 5h (23h de terça-feira em Brasília) quando navegava perto do litoral da Somáli em direção a Mombaça. EFE tb/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG