Piratas seqüestram navio-tanque malaio no golfo de Áden

Kuala Lumpur, 30 ago (EFE).- Um grupo de piratas seqüestrou na sexta-feira em águas internacionais do golfo de Áden um navio-tanque malaio, o MT Bunga Melati 5, da empresa Misc Berhad, informou hoje a empresa.

EFE |

O incidente ocorreu às 21h50 local (10h50 de Brasília) da sexta-feira no litoral do Iêmen, enquanto o navio passava dentro de um corredor de segurança que lhe foi alocado pelas autoridades.

Embora tenha realizado manobras evasivas, conseguiu ser abordado pelas piratas.

Segundo o comunicado da empresa, forças navais da coalizão que patrulha o golfo de Áden perante os atos de pirataria na área foram alertadas da presença das piratas, mas desistiram de intervir, para preservar a segurança da tripulação.

A embarcação seqüestrada, com 36 tripulantes malaios e 5 filipinos, estava carregada com 30 mil toneladas métricas de produtos petroquímicos e ia para Cingapura a partir da Arábia Saudita, quando foi interceptado.

Com esta nova captura, são oito navios e mais de cem pessoas as que permanecem sob o controle dos piratas que operam no litoral da Somália. EFE srn/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG