Piratas capturam navio de empresa dinamarquesa no Golfo de Áden

Kuala Lumpur, 8 nov (EFE).- Um cargueiro de empresa dinamarquesa e de bandeira das Bahamas, com 13 tripulantes a bordo, foi seqüestrado por supostos piratas em águas do Golfo de Áden, perto da Somália, informou hoje a Agência Marítima Internacional, com sede em Kuala Lumpur.

EFE |

A embarcação, que opera na Dinamarca, foi seqüestrada na sexta-feira quando se dirigia à Ásia vindo do Oriente Médio, disse à Agência Efe Noel Chong, porta-voz da agência marítima.

Por motivos de segurança, Chong não informou as nacionalidades dos membros da tripulação, e não precisou que tipo de carga transporta o navio.

A Agência Marítima Internacional advertiu a todos os navios que transitam pela zona que intensifiquem a precaução diante da presença de bandidos.

Com este ataque, já são 81 as embarcações atacadas este ano na África, das quais 11 permanecem sob poder de piratas, que retêm mais de 200 membros de suas tripulações. EFE snr/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG